TUA VINHARIA
 
...

Eis o verão

O Verão traz à Póvoa de Varzim milhares de turistas, emigrantes e outros veraneantes. Antes da pandemia eram bem mais, mas ainda assim há uns quantos que escolhem esta bela terra para uns dias de férias ou reencontro com a família e raízes.
Para nós é a época do “não temos” quando querem aquele vinho tipo “anunciado na tv” tão fácil de comprar em qualquer grande superfície, estação de serviço ou pequena mercearia. Mas é sobretudo a altura do ano das conversas sem sentido à volta de vinhos desconhecidos.
“O senhor não tem aquele vinho que o rótulo é uma janela?” ou “Aquele vinho de rótulo cinzento, está a ver qual é?” ou ainda “Procuro aquele vinho que tem nome um nome estranho… como não sabe qual é??” 

“Procuro um vinho que tem um pássaro no rótulo. Ah sim, tem aqui vários, mas não é nenhum destes pássaros que quero. Não devia haver tantos rótulos parecidos.”
Há também coisas mais generalistas como “quero um vinho do dão… não, não é nenhum destes. Como é possível não ter o vinho que procuro, isto não é uma loja de vinhos?” Pacientemente tentamos explicar que é impossível ter todos os vinhos portugueses numa só loja e que por exemplo do dão temos 55 vinhos, de momento.

Depois temos os que entram de telemóvel na mão e percorrem a galeria das fotos e o vivino e o whatsapp e o facebook e chegam à conclusão que o tal vinho que juram ter o nome de uma cidade qualquer estrangeira não aparece em lado nenhum. Mas que eu, por certo, sei qual é. Não sei. 

O que varia é o tom. O drama, o horror de uns “como é possível?”  saindo porta fora sem um boa tarde, obrigado, nada e a pedagogia de outros. “Sabe, vou-lhe explicar uma coisa. Tem de ter esse vinho. É muito bom. Eu vou estar aqui 15 dias veja lá se arranja” E pergunto “qual é mesmo o nome?” “Bem isso não sei, mas tem um rótulo muito bonito assim com uns dourados…”

Mas nem sempre se guarda memória do rótulo ou do nome. Às vezes é o vinho que fica na memória, como na deste simpático senhor que acabou de sair.
- Eu quero um vinho que já aqui comprei no ano passado.
- Muito bem, qual é?
- Não me lembro, estive cá três dias em Agosto e até foi uma senhora que aqui estava que me aconselhou.
- Mas sabe dizer alguma coisa sobre o vinho para eu ajudar.
- Sei que gostei muito, mas mais do que isso não me lembro.

Jaime

2021 Julho 29

Tags: Tua VinhariaverãoPóvoa de Varzim

InstagramIcone

INSTAGRAM